18º ANIVERSÁRIO ARQUIVO MUNICIPAL DE VILA REAL 

Realizou-se, no passado dia 26 de novembro, a celebração do 18º aniversário do Arquivo Municipal de Vila Real, serviço municipal vocacionado para a gestão do património documental do município. 

A sessão, presidida pela Vereadora do Pelouro da Cultura, Mara Minhava, contou com a presença do Vice-Presidente e Vereador do Pelouro da Educação, Alexandre Favaios, e de outros responsáveis municipais, nomeadamente a Coordenadora e os colaboradores do AMVR, e de representantes de entidades e instituições locais e regionais, assim como inúmeros vila-realenses. 

No âmbito desta celebração teve lugar a abertura da Exposição «Arquivo Municipal de Vila Real - 18 anos de Serviço Público "Do sonho à realidade"», que estará patente ao público até ao dia 31/03/2023. Nesta exposição, o visitante ficará a conhecer um pouco da história da família que mandou construir e habitou o edifício, de traça brasileira dos finais do séc. XIX e inícios do séc. XX, os traços arquitetónicos do mesmo, o programa de apoio que permitiu a sua aquisição, reconstrução e aquisição de equipamentos – o PARAM -, bem como as publicações e atividades realizadas nestes 18 anos, particularmente no último ano de reconhecida e intensa atividade. 

Para além de um momento musical, pelo dueto de flautas de bisel (Alexandre Fraguito e Carmen Pereira), foi ainda inaugurado o “Espaço Memória”, este dedicado ao escritor A. M. Pires Cabral, recentemente homenageado com a atribuição do seu nome ao Grémio Literário de Vila Real, e vencedor do Prémio Ruy Belo/2022, para Obra Poética publicada no biénio 2020/2021, pela sua “Caderneta de Lembranças”. Este espaço estará disponível para visita até ao mês de maio de 2023, entre as 9h00 e as 15h30, todos os dias úteis. 

BILA NATAL 2022 

Vila Real prepara-se para viver os encantos da Bila Natal, uma tradição que se renova a cada ano e que para os vila-realenses é motivo para celebrar com outro entusiasmo a chegada da época natalícia. A inauguração da iluminação de Natal, a 1 de dezembro, marca o arranque oficial da programação, complementada pelas já tradicionais Mostra de Presépios, Eco-Natal (trabalhos realizados com materiais reaproveitados pelos alunos das escolas do concelho) e Concurso de Montras, boas razões para uma visita mais prolongada ao centro histórico e ao comércio tradicional. 

Destaque também para a Feira do Outono, a 3 de dezembro, a Mostra das Freguesias e o Mercado de Natal, nos fins-de-semana de 9 a 11 e de 16 a 18 de dezembro, respetivamente, que trarão à Praça do Município a habitual animação e convívio à volta dos produtos de época. 

A animação de rua será também uma constante com atividades dirigidas aos mais pequenos, muita música e boa disposição, uma marca característica do Natal ao Centro, que este ano abarca os dias 10 e 11 e 17 e 18 de dezembro. 

O Ano Novo voltará a ser recebido em clima de grande festa na Praça do Município, onde não faltará o calor do Madeiro de Ano Novo, o concerto do inimitável Quim Barreiros, culminando, pelas zero horas, com o fogo-de-artifício a receber a chegada do ano 2023. Noite dentro, e sem hora para terminar, o som e o frenesim sempre contagiantes do DJ Fernando Alvim. 

A esta programação especial de Natal, acrescem ainda outras atividades, com destaque para: 

17 dezembro 

- Festival Aquático – 08h00/12h30 - Piscina Municipal 

- III Festival de Patinagem Artística Cidade de Vila Real – 08h30/24h00 – Pavilhão dos desportos 

18 dezembro 

- Transmissão Programa “Somos Portugal” da TVI – Av. Carvalho Araújo 

- Passeio de Pais Natal Motards – a partir das 10h00 – Largo da Capela Nova 

19 dezembro 

- Concerto de Natal, pelo Coral da Cidade de Vila Real e Coro Juvenil de Abaças – 21h00 – Sé Catedral 

7 janeiro 2023 

- Encontro de Cantadores de Janeiras – 14h30 – GA do Teatro de Vila Real

- XVI Corrida de São Silvestre – 18h00 – RI13 

PROGRAMA COMPLETO

FEIRA DE OUTONO REALIZA-SE A 3 DE DEZEMBRO

No próximo sábado, dia 3 de dezembro, entre as 9h30 e as 17h30, vai decorrer, na Praça do Município, a tradicional Feira de Outono. Esta iniciativa do município tem como principal objetivo disponibilizar um espaço de convívio e partilha entre os diferentes estabelecimentos de ensino que, com o apoio de docentes, alunos e encarregados de educação, apresentam, em forma de quermesse, os produtos da época das diversas zonas de Vila Real.  

A Feira de Outono vai contar com a presença de diversos estabelecimentos de educação e ensino do Agrupamento de Escolas Diogo Cão e do Agrupamento de Escolas Morgado Mateus, da Escola Secundária Camilo Castelo Branco, Escola Secundária de S. Pedro, Escola Profissional Agostinho Roseta, Associação de Paralisia Cerebral de Vila Real, Nuclisol – Jean Piaget, Colégio Moderno de S. José e da Santa Casa da Misericórdia de Vila Real.  

Esta iniciativa representa uma excelente oportunidade para que as escolas se abram e estreitem laços com a comunidade, salientou o Vice-Presidente e Vereador do Pelouro da Educação, Alexandre Favaios, relembrando ainda que a Feira de Outono integra o projeto “Tradições da Bila”, cujo objetivo é recuperar usos, costumes e tradições da nossa cidade através da dinamização de diversas atividades e iniciativas que permitam dar a conhecer a toda a comunidade os produtos regionais, assim como o excelente trabalho desenvolvido pelos estabelecimentos de ensino do concelho. 

VILA REAL RECEBE, PELO SEXTO ANO CONSECUTIVO, GALARDÃO MUNICÍPIO AMIGO DO DESPORTO 

Pelo sexto ano consecutivo, o município de Vila Real foi reconhecido como “Município Amigo do Desporto", uma iniciativa da Cidade Social e da Associação Portuguesa de Gestão do Desporto (APOGESD), com o apoio institucional da Secretaria de Estado da Juventude e Desporto, que distingue, anualmente, os municípios que através dos seus projetos, programas, ações, parcerias e atividades, desenvolvem e fomentam o desporto nos seus concelhos. 

Alexandre Favaios, Vice-Presidente e Vereador do Pelouro do Desporto, esteve presente na cerimónia de entrega do Galardão, realizada na Mealhada, no dia 25 de novembro, onde manifestou o seu orgulho pelo trabalho desenvolvido no âmbito das políticas municipais de desporto, salientando que estas distinções são um estímulo, mas também uma responsabilidade acrescida para a autarquia. 

Nos últimos anos, os prémios nacionais e internacionais conquistados pelas associações, clubes e atletas vila-realenses têm provado a sua vivacidade e força. O município orgulha-se de poder fazer parte desse percurso ganhador, pelo que continuará a trabalhar para garantir as melhores condições para o desenvolvimento do desporto em todas as suas vertentes. 

GRANDES OPÇÕES DO PLANO E ORÇAMENTO DA CÂMARA MUNICIPAL DE VILA REAL PARA 2023 APROVADOS SEM VOTOS CONTRA | 

Decorreu hoje, dia 28 de novembro, a reunião da Câmara Municipal de Vila Real em que foi aprovado o Orçamento e Grandes Opções do Plano para o próximo ano.  

O reconhecimento da qualidade da atual gestão autárquica e dos próprios documentos refletiu-se no facto de não existir qualquer voto contra, nomeadamente dos vereadores que representam a oposição. Acresce que a transparência e clareza das opções políticas tomadas e da distribuição dos recursos financeiros não motivou, sequer, qualquer discussão sobre os projetos apresentados. Os vereadores da oposição limitaram-se a tomar conhecimento do documento e a votar em abstenção, atitude que se enaltece. 

Na passada sexta-feira a secção concelhia do PSD de Vila Real havia remetido um conjunto de 12 propostas a incluir no Orçamento para 2023. Na reunião de Câmara Municipal os vereadores daquele partido optaram por não fazer a defesa dessas propostas, nem explicitar o impacto financeiro que as mesmas teriam no orçamento municipal. É importante referir que muitas dessas propostas não eram relevantes para um documento como as Grandes Opções do Plano e Orçamento (Exemplos: “Criação do Conselho Municipal do Idoso” ou “Criação do Provedor do Munícipe”) e que a maioria das restantes já se encontravam previstas. 

O contexto extremamente volátil ao nível macroeconómico resultante de fatores externos a Vila Real e ao país, nomeadamente a COVID-19 e o conflito armado que se vive no leste da europa devido à invasão da Ucrânia pela Rússia, cria grandes impactos não só a nível individual, das famílias e das empresas, mas também no que concerne às finanças municipais, contribuindo para uma maior incerteza nas projeções da receita e da despesa.  

Estes fatores de instabilidade desaconselham, portanto, que se façam alterações significativas ao nível das receitas municipais, nomeadamente no que diz respeito à fiscalidade municipal. Esta questão torna-se particularmente relevante se a autarquia tiver de valer a acrescidas dificuldades económicas dos Vila-realenses, incrementando as dotações dos programas de apoio social. Ainda assim, a saúde financeira do município permite encarar, sem receios, a capacidade de execução da autarquia ao longo de 2023 e a capacidade de continuar a sua função social. As Grandes Opções do Plano e Orçamento para 2023 estão preparados para responder a estes desafios, tal como é reconhecido. 

Contactos
   259308100

  geral@cm-vilareal.pt

   Avenida Carvalho Araújo
     5000-657 Vila Real
Aplicação do Município
A nossa aplicação está disponível para IOS e ANDROID
Informações